Connect with us

Coronavírus

COVID-19: HC da USP e InCor desenvolvem protocolo para atendimento de pacientes

O Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (HCFMUSP) e o Instituto do Coração (InCor) elaboraram um protocolo de atendimento de pacientes com COVID-19, doença causada pelo novo coronavírus. As orientações são voltadas a profissionais da saúde, com enfoque no atendimento a casos graves no ambiente de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e com necessidade de ventilação mecânica.

A iniciativa conjunta teve a participação de especialistas nas áreas de Pneumologia, Terapia Intensiva, Emergências Clínicas, Moléstia Infecciosas e de outros médicos do HC.

O grupo também desenvolveu uma linha de cuidados para assistência aos pacientes, com orientações detalhadas em vídeo no seguinte endereço eletrônico: https://eephcfmusp.org.br/portal/coronavirus.

Os interessados podem acompanhar aulas da Escola de Educação Permanente da FMUSP (pelo link acima), além de conferir um esquema para treinamento e capacitação das equipes dos hospitais da rede. “Testamos a telemedicina como ferramenta para difusão desses conhecimentos, que se mostrou apropriada”, afirma Carlos Roberto de Carvalho, professor titular da disciplina de Pneumologia, da Faculdade de Medicina da USP.

Validação
O protocolo foi validado pelo Centro de Contingência do Coronavírus de São Paulo, do qual o professor Carlos Roberto de Carvalho faz parte. Criado pelo Governo do Estado em 26 de fevereiro para monitorar e coordenar ações contra a propagação do vírus, o grupo conta com profissionais especialistas das redes pública e privada, com ênfase na área de infectologia.

“Essa é uma doença nova e estamos aprendendo com ela. É muito importante que possamos fazer pesquisas para acompanharmos os pacientes que têm alta e que podem desenvolver alguma sequela pulmonar, além de entendermos qual extensão que o vírus causa de lesão no nosso organismo”, acrescenta o professor Carlos Roberto de Carvalho.

Fonte: Governo do Estado de São Paulo

Click to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *