Connect with us

Aplicativos

Avanços da medicina para 2021 e além dele

https://telemedicina.tv/ultimas-noticias/

A tecnologia tem sido uma importante protagonista na resposta à pandemia. O sistema de saúde está na primeira linha de enfrentamento da crise e, portanto, precisa de uma evolução rápida para combater o novo coronavírus.

A crise intensificou a necessidade de mudanças no Setor Saúde, abrindo espaço para inovações e acelerando a transformação digital nas unidades de saúde. Como consequência, tendências apontadas para o futuro da saúde vêm cada vez mais se tornando realidade. Especialistas da área apontam tendências para a medicina em 2021.

Telemedicina

A telemedicina que já vinha sendo discutida há anos pelo Senado, foi normatizada pela Portaria nº 467, de 20 de março de 2020, em caráter excepcional e temporário, em virtude da pandemia. A tendência é a telemedicina evoluir e ampliar seu espectro de abrangência, contribuindo para tornar o Sistema de Saúde mais acessível e eficiente.

A telemedicina tem um enorme potencial de mudança do Sistema de Saúde, uma vez que o atendimento remoto rompe a barreira geográfica, permitindo que pessoas que moram afastadas de Centros Urbanos tenham acesso ao atendimento médico a partir da internet.

INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL (IA)

A IA tem sido apontada como uma grande promessa para otimização de processos no setor saúde, gerando ganhos de escala e performance. Em estudo publicado pela Delloite sobre as perspectivas do Setor Saúde para 2020, são apontadas oportunidades de crescimento significativas em áreas como: Aplicativos de IA de nível clínico que avançam na análise preditiva , diagnóstico médico e documentação clínica .

SOLUÇÕES DIGITAIS DE FLUXO DE TRABALHO

Os provedores de saúde estão utilizando tecnologias de informação de saúde de várias maneiras para melhorar o fluxo de trabalho operacional e clínico. Já são muitas as aplicações destas tecnologias na medicina. Hoje já é possível pacientes facilmente agendarem consultas online, acessar dados pessoais e executar outras funções por meio de seus smartphones, tablets ou wearables.

INTERNET DE COISAS MÉDICAS (IOMT)

Ainda segundo a Delloite, o mercado de IoMT crescerá a uma taxa significativa. Além de monitorar os pacientes em suas casas, as inovações em sensores e comunicações sem fio permitem que os pacientes sejam monitorados enquanto estão em trânsito. Graças à IoMT, os pacientes podem fazer as atividades que desejam fazer em seus próprios termos, mas permanecer conectados aos seus cuidadores.

Fonte: Dino Divulgador de Notícias

Click to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *